Silvino Branca

Pousada da Juventude

Nascido na ilha de Santiago, Cabo Verde, Silvino Branca é uma figura importante do funaná moderno, parte da geração que herdou o som de Codé di Dona, Sema Lopi, Julinho da Concertina, Bitori ou Tchota Suari. Como eles, Silvino Branca é um homi di gaita e encarna totalmente a nova geração funaná criada nos guetos de Cabo Verde, onde começou a tocar com a tenra idade de 7 anos.

Com a inspiração e influência dos antigos mestres, traz funaná tradicional num novo estilo mais acelerado: Cotxi Pó. Uma mistura selvagem de melodias de acordeão funaná mais curtas com mudanças abruptas e hipnotismo mais óbvio, largando letras e referências a tempos de pobreza, seca e perseguição experimentados pela geração anterior. Estas raízes, força e músculo tornaram o estilo Cotchi Pó extremamente popular em Cabo Verde.